Umuarama, terça-feira, 18 de dezembro de 2018 ESCOLHA SUA CIDADE

Umuarama Policial

28/09/2018

Delegado confirma que menino foi estuprado e fala sobre investigação

Delegado confirma que menino foi estuprado e fala sobre investigação

Na tarde desta quinta-feira (27) o delegado Thiago Soares, da 7ª Subdivisão Policial de Umuarama, repassou informações sobre a investigação do estupro sofrido por um menino de quatro anos. O crime aconteceu na cidade de Cianorte na quarta-feira (26) e foi descoberto com apoio da equipe do hospital Cemil, que acionou a Polícia Civil de Umuarama após suspeitar do abuso sexual.

Segundo o delegado, as primeiras informações são de que na tarde de quarta a criança foi transferida de Cianorte para Umuarama e deu entrada no hospital em situação de saúde considerado grave. O menino recebeu os primeiros socorros e a equipe médica teve a suspeita de que ele foi vítima de abuso sexual. A informação chegou à Delegacia e uma equipe policial se deslocou até o hospital para levantar os dados.

Soares diz que no hospital foi verificada a presença de vários familiares e os médicos informaram sobre a suspeita. A polícia encaminhou as pessoas para a delegacia para colher depoimentos. “Neste tempo solicitamos a presença do IML para ir ao hospital para realizar exame de ato libidinoso na criança. Na Delegacia os familiares prestaram depoimento, entre eles a mãe e o padrasto”, informa.

O delegado explica que o laudo do exame do IML apontou que a criança realmente teria sofrido violência sexual, inclusive com lesões recentes. “Após as oitivas, verificamos incoerências entre os depoimentos da mãe e do padrasto”.

De acordo com Soares, o padrasto e a mãe seriam os únicos que tiveram contato recente com o menino e, o padrasto teria ficado sozinho com a criança na manhã de quarta-feira. “Com indícios de autoria contra o padrasto, ele recebeu voz de prisão em flagrante”, informa.

Soares acrescenta que não há exame conclusivo que indique que a criança sofreu asfixia.

A continuidade das investigações será feita pela delegacia de Cianorte. O delegado informou ainda que o preso foi removido para uma cadeia que a polícia não irá divulgar qual, por questões de segurança. No entanto, ele afirma que o detido não está em Umuarama e nem em Cianorte.

Na manhã desta quinta-feira a Assessoria de Imprensa do Hospital Cemil informou que não iria divulgar boletim médico sobre o estado de saúde da criança.

 

PUBLICIDADE

Fonte: UMUARAMA | CIDADE PORTAL | COLABORAÇÃO O BENDITO | POLÍCIA CIVIL

OPINE!

CIDADE PORTAL
(44) 3522-7297 | (44) 99979-8991 | (44) 99979-3334
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio
de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do Site CIDADE PORTAL.

Desenvolvido por Cidade Portal