Umuarama, domingo, 27 de maio de 2018 ESCOLHA SUA CIDADE

Umuarama

08/05/2018

Palestras orientam crianças para se defenderem do abuso sexual em Umuarama

Palestras orientam crianças para se defenderem do abuso sexual em Umuarama

Para lembrar o 18 de maio – Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes –, o Centro de Referência Especializada em Assistência Social (Creas) está com várias equipes ministrando palestras em escolas da rede municipal de ensino. Nesta segunda-feira, 7, duas escolas foram visitadas – Cândido Portinari, no Conjunto Sonho Meu, e Ouro Branco, no bairro homônimo. As orientações são destinadas aos alunos do 4º ano, nos períodos da manhã e tarde.

As palestras serão realizadas entre os dias 7 a 24 de maio e além disso, outras ações estão programadas. No dia 11 será apresentada a peça teatral “Vim ver Maria”, às 9h e também às 14, no Teatro do Centro Cultural Vera Schubert. No dia 18 haverá panfletagem pela manhã e à tarde na área central de Umuarama, com alunos de Comunicação Social da Universidade Paranaense (Unipar) e às 14h a palestra “Reflexões sobre a violência sexual contra crianças e adolescentes”, no auditório da Prefeitura.

No dia 25, das 8h às 17h, profissionais da rede de atendimento do Sistema de Garantia de Direitos passarão por uma capacitação do Projeto Tartaninha, no auditório do Centro da Juventude Agnaldo Mackert Barbosa (Ceju) e, no dia 26, o Projeto Umuação da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer levará uma série de atividades às crianças do Conjunto Sonho Meu, das 13h30 às 17h30.

Durante as palestras nas escolas, os alunos assistem a dois vídeos que orientam sobre como evitar o abuso sexual praticado muitas vezes dentro da própria casa, e também a evitar o contato com estranhos – principalmente os conhecidos através das redes sociais, entre outros cuidados. “Diariamente lidamos com esses problemas. A orientação que damos é que a criança ou adolescente saiba dizer não, diante das investidas de um adulto, e que denuncie o caso aos pais, aos professores, que grite, corra e peça socorro caso se sinta ameaçado”, disse a psicóloga Camila Valéria Minzon, que ministra a palestra escolar ao lado da assistente social Núbia Cristina de Paula.

A participação das crianças, com questionamentos e histórias compartilhadas, tem sido importante. Além de demonstrar interesse pelos conteúdos, elas relatam vivências como uma aluna que informou ter estudado com a pequena Tábata Fabiana da Rosa, 6 anos, que foi assassinada após ser raptada e abusada em setembro do ano passado, em Umuarama.

Na Escola Cândido Portinari elas foram recebidas pela diretora Elaine Ferrarezi Lavagnolli e falara para duas turmas pela manhã e outra na parte da tarde. Na Escola Ouro Branco, a coordenadora Rosemar Aparecida Salton Alcaide organizou a visita pela manhã. Nesta terça-feira, 8, serão visitadas as escolas Professora Analides de Oliveira Caruso (no Parque Industrial), Vinícius de Moraes (Parque Jabuticabeiras) e Dr. Germano Norberto Rudner (Jardim Canadá), e na quarta-feira, Escola Jardim União e Senador Souza Naves (Zona 6).

As ações de combate ao abuso e exploração sexual de menores são promovidas pela Secretaria Municipal de Assistência Social, sob a supervisão da secretária Izamara Amado de Moura, com o apoio da Secretaria Municipal de Educação e da Secretaria de Esporte e Lazer.

 

 

Fonte: UMUARAMA | CIDADE PORTAL | ASSESSORIA DE IMPRENSA

Palestras orientam crianças para se defenderem do abuso sexual em Umuarama
Palestras orientam crianças para se defenderem do abuso sexual em Umuarama

OPINE!

CIDADE PORTAL
(44) 3522-7297 | (44) 99979-8991 | (44) 99979-3334
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio
de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do Site CIDADE PORTAL.

Desenvolvido por Cidade Portal