Umuarama, segunda-feira, 20 de novembro de 2017 Trocar cidade

Celebridades

25/01/2017 | Concebido por Goioerê

Estrela do funk, MC Livinho jogará futebol 7 por clube paulista

Estrela do funk, MC Livinho jogará futebol 7 por clube paulista

MC Livinho terá uma profissão extra em 2017. Após brilhar nas peladas beneficentes de final de ano, o cantor de funk jogará pela equipe de futebol 7 do Audax, categoria semelhante ao futebol society. O autor do hit "Cheia de Marra" não terá moleza no clube paulista. Viverá uma vida de jogador: treinará e receberá salário, mas não deixará a música de lado. A estreia pode ser neste sábado, às 15h15 (de Brasília), contra a Portuguesa, na Arena Nacional, pela segunda rodada da Copa Nacional. 

– Vai ser só caixa. Sempre gostei de jogar em peladinha de rua, mas nunca fiz teste. A única coisa que fiz primeiro antes de jogar, foi cantar. Comecei aos quatro anos. Eu quero jogar para mostrar que eu jogo bem, que eu gosto de futebol. Não meto a cara em coisa que eu não sei. Tudo o que eu faço, eu faço bem. Os caras do Santos até me chamaram para treinar, mas fica longe ir para lá – afirmou MC Livinho ao GloboEsporte.com.

O convite para o funkeiro atuar pelo Audax foi feito por Vampeta durante show da cantora Ludmilla, em uma famosa balada paulistana. O presidente do Audax ficou encantado pela atuação de MC Livinho no amistoso beneficente entre Santos 1995 x Santos 2002. O jogo aconteceu no último 16 de dezembro, na Vila Belmiro. O músico fez cinco gols na partida, que também teve a presença de Elano, Tchê Tchê e Marcos Assunção.

– Tinha levado minha filha no show da Ludmilla e encontrei o Livinho lá. Estava com o Pepê (Junior, diretor de comunicação do Audax). Falei: "Pô, leve ele logo para o time". Não vai atrapalhar em nada a vida dele. Já até tinha falado antes com o Livinho, mas lá confirmou. Ele joga bem. Jogamos juntos toda terça em um racha. Ele é bem dedicado. Faz até treino a parte nos outros dias da semana. Não descarto levá-lo para o profissional do Audax. Tudo é possível – contou Vampeta, o presidente do Audax.

Como a categoria futebol 7, que possui as mesmas regras do futebol society, ainda não é completamente profissional, os jogadores treinam uma vez durante a semana. A ideia é que o músico participe de todas atividades, assim como qualquer outro jogador do Audax, já que também será assalariado – ele receberá R$ 10 mil por mês. Apesar disso, MC Livinho assegura que a prioridade ainda é a música.

– Vida de músico em primeiro lugar. É o meu sustento. Não posso sair da música para jogar bola, que é o sonho, o hobby – disse o funkeiro.

Mas esta situação pode mudar. O sonho do autor de hits consagrados como "Cheia de Marra" e "Tudo de Bom" é um dia se tornar jogador profissional, principalmente pelo Corinthians, seu clube de coração.

– Pensar, eu penso. Todo sonho é possível. Quem sabe algum dia acontece? Sou maloqueiro, como não seria corintiano? Se eu jogasse pelo Timão, eu ia acabar com tudo, só caixa. Vampeta é um ídolo que tenho, assim como Marcelinho, Edilson, Romarinho... Esses eram pica – finalizou MC Livinho.

Fonte: GOIOERÊ | CIDADE PORTAL | GLOBO ESPORTE

OPINE!

CIDADE PORTAL
(44) 3522-7297 | (44) 99979-8991 | (44) 99979-3334
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio
de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do Site CIDADE PORTAL.

Desenvolvido por Cidade Portal